Com mais de uma década de experiência produzindo leveduras para panificação.

A BIOX agora produz levedura seca ativa (active dry yeast) para a produção industrial do bioetanol.
O Brasil é o maior produtor de cana-de-açúcar e, por isso, ocupa uma posição de destaque na produção mundial de etanol.

De acordo com os dados divulgados pela União da Indústria de Cana-de-açúcar (Unica), o Brasil produziu 26,88 bilhões de litros considerando o acumulado da safra de 2021/22. Deste montante, 2,89 bilhões de litros foram fabricados a partir do milho.

No intuito de trazer mais inovação para o setor, a BIOX produz e comercializa as leveduras CAT-1, PE-2 (Pedra-2) e SA-1, cepas da levedura Saccharomyces cerevisiae conhecidas mundialmente como leveduras industriais brasileiras. Estas são as principais leveduras empregadas na indústria de bioetanol de cana-de-açúcar na América Latina. Destacam-se por naturalmente apresentarem características genéticas e fisiológicas altamente desejáveis para a indústria como: rendimento fermentativo elevado; baixa formação de espuma; não floculantes; alta resistência ao tratamento ácido para reciclo celular; acúmulo de açúcares de reserva como a  trealose e o glicogênio; alta capacidade de dominância e persistência no ambiente fermentativo.

Para potencializar as iniciativas de inovação no setor de biocombustíveis, a BIOX oferece ainda, a possibilidade de Toll Manufactoring, ou seja, a produção industrial de uma ou mais cepas de interesse do cliente-parceiro.

Este é um serviço sob demanda, executado em regime estrito de confidencialidade seguindo padrões internacionais de qualidade. Suporta tanto a demanda de pequenos lotes para testes industriais quanto a produção em larga escala para início e manutenção da operação ao longo da safra.

Conheça os novos produtos da BioX e venha inovar conosco!

Compartilhe